11/12/16 Débora

Débora: Juízes 4 e 5

Cíclo de pecado, castigo, clamar, juiz para libertação.

Por 20 anos “vendidos” na mão de Jabim e Sísera seu capitão. Nem nas ruas era seguro andar.

Sísera tinha 900 carros de ferro.  Essas carruagens poderiam ter até 10 cavalos puxando, proteção contra flechas, arqueros para atirar, e até “espadas” nos eixos das rodas. Mergulhando no exército inimigo, deixava uma faixa de soldados mortos e aleijados. A vantagem militar criava medo e desincentivar confronto.  Em contraste, Israel era barrado da tecnologia de trabalhar com ferro e as poucas armas que capturava era de pouca utilidade por não puder manter ou consertar.  Por isso usava mais ferramentos de roça (3:31) ou até mandíbula de jumento (Sansão). Era como enfrentar tanques de guerra com enxadas.

Por Débora, Deus mandou Baraque unir 10.000 homens no monte Tabor.  Além de estar na junção de 3 tribos, a altura protegia dos carros. Mas Baraque só consentia em ir se a Débora for junto. Ela concordou, mas avisou que o “prémio” de matar o capitão inimigo iria para uma mulher. Muitos tratam as coisas de Deus como objetos de sorte. Ex: uma Bíblia na mesa traz sorte, um padre no ônibus nos protege – ou não temos pastor, o que faremos. Baraque errou por colocar mais fé na profetisa de Deus do que na própria pessoa de Deus.  Como quando levaram a arca para batalha para proteção. Pode não ter pastor, mas tem Deus. Pode não ter dinheiro ou prédio ou outro objeto / pessoa mas se tem Deus, tem tudo.

Sísera soube e subiu para atacar. Debora disse (v14) “Este é o dia…Deus saiu adiante de ti”. Queremos deixar para amanhã, mas nós só temos hoje para servir a Deus.  Não adianta viver no ontem pois já passou e só serve para exemplo, nem no amanhã pois não chegou (e talvez nem chegue) e só serve para esperança. Devemos enfrentar o inimigo a nossa frente agora, sabendo que Deus já foi pela frente para preparar o caminho e já está lá esperando.

DEUS derrotou Sísera (v15 não Baraque) e a palavra tem a ideia de bagaçar – acabar com a raça – e não sobrou ninguém.  Deus também mandou chuva que virou a plaina em um mar de lama para atolar os carros e virar o ribeiro Quisom num muro de água. (5:20)  Presos e sem as armas normais entraram em pânico. Até o Sísera fugiu para a tenda do aliado Héber cuja esposa, Jael, o atendeu. Ela cobriu o capitão cansado e deu leite no lugar do pedido de água.  Quando ele dormiu, ela pregou a cabeça dele no chão com uma estaca de tenda pela fonte.

Às vezes nós também olhamos para a “vantagem militar” do mundo e pensamos que não temos chance. É mil contra um e a tecnologia parece estar ao lado deles. Mas a Bíblia mostra vez após vez que as vantagens do mundo significa nada para Deus. Lembremos sempre que NÃO HÁ PROBABILIDADES INSUPERÁVEIS PARA UM DEUS ONIPOTENTE.

Débora é usada às vezes para justificar pastoras. Débora e Jael são dadas para servir de exemplos para nós – homens e mulheres e não tiro nada delas.  Mas a pergunta surge – onde estavam os homens?.  A história de Débora me parece uma vergonha para os homens que não tomaram seus devido lugares.  Desde o início Deus tem colocado o Homem como a cabeça na sociedade, na religião e na família mas muitos querem utilizar aquela autoridade só para benefício pessoal sem arcar com a responsabilidade que acompanha. Sentar no sofá e gritar “Mulher, cadê meu jantar.  Mulher, vem cuidar dos seus filhos” não é ser a cabeça bíblica.  Quando olho para as igrejas hoje também pergunto: onde estão os homens na escola bíblica? Cadê eles no evangelismo e no mutirão? Vamos, homens, tomar a frente da batalha sem esconder atrás de alguma Débora porque hoje é o dia, Deus já foi pela frente e não há probabilidade insuperáveis para um Deus onipotente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s